MENSAGEM DO GRÃO-MESTRE

Grão Mestre

Gratidão. A palavra é essa. Agradecer, agradecer e agradecer. Primeiramente, ao Grande Arquiteto Do Universo, nosso Deus de Amor e Bondade, por estarmos aqui reunidos e celebrando esse momento, agradecer por toda a caminhada, por ter nos iluminado e nos protegido. Agradecer a minha Esposa, meus Filhos, Netos pela Força e Apoio, a todos Irmãos, cunhadas e amigos. Todos fundamentais na NOSSA vitória. Sim, NOSSA vitória. Especialmente meu Irmão companheiro nesta caminhada, nosso Eminente Grão-Mestre Adjunto Carlomar Silva Gomes de Almeida.
Nossa candidatura não surgiu de uma vontade exclusivamente minha. Foi uma construção que teve início com o apoio do nosso Sereníssimo Grão-Mestre Walter Alves Noronha e acompanhada dos Irmãos das diversas regiões do Estado, que se manifestaram neste sentido, e obviamente, não daria um passo nesta caminhada sem o apoio, sem a sustentação da minha família.
A caminhada foi longa, cansativa, mas a cada visita voltávamos com a energia renovada e cheios de alegria. Desde o início falávamos que não era uma corrida de 100 metros rasos, e sim uma maratona; que o importante não era com largar e sim como chegar. Mas o mais importante foi a caminhada propriamente dita, foi espetacular, momentos de convivência, conversando com os Irmãos, ouvindo sugestões, compartilhando experiências, para a construção de um PROGRAMA DE TRABALHO para nossa Grande Loja. A jornada foi incrível. Nossa Coordenação foi precisa no planejamento e execução.
Quando coloquei meu nome à disposição para concorrer ao Grão-Mestrado, o fiz para retribuir para a nossa Ordem tudo que ela me proporcionou.
Inicie no dia 05/04/1986, então com 25 anos, um jovem Contador e Advogado, casado com a Aparecida, e com a filha Gabriela com 2 aninhos. Depois veio meu Filho e também agora meu Irmão, Leonardo, que nasceu e cresceu no berço da Ordem. Meu Neto Vitor, filho de Leonardo, iniciou no Castelo de Escudeiros Guardiões das Virtudes, e agora, em 30/07, iniciou na Ordem DeMolay. Pedro meu outro neto, também filho de Leonardo iniciará no Castelo de Escudeiros. Minhas netas Elisa e Laura, assim que tiverem idade iniciarão na Assembleia para meninas do Arco Iris. Eu e minha esposa iniciamos na Ordem Estrela do Oriente.
Faço esse relato para demonstrar a importância da Ordem Maçônica na minha vida. Me transformei na pessoa que sou graças a Maçonaria. que foi para mim uma ESCOLA DE VIDA. onde aprendi e formei meus princípios e valores, bem como minha vida familiar,  profissional e social.
Desde o início da caminhada, colocamos que nosso foco seria e será o Homem Maçom e sua família. Fortalecer o homem Maçom é construir Colunas Fortes
Nosso programa tem como objetivo o bem coletivo e o crescimento sustentável, e foi construído de forma democrática, com a participação de todos os envolvidos no processo.
Desde a escolha do nosso candidato à Eminente Grão-Mestre, meu querido Irmão Carlomar de Almeida, até à elaboração do nosso programa de trabalho, ouvimos as contribuições das Lojas e dos Irmãos.
O plano de trabalho da nossa gestão, tem nos seus pilares de sustentação o cuidado com o homem Maçom e a ampliação do fortalecimento das nossas Lojas. Também atuaremos derrubando muros e construindo pontes com a sociedade, ampliando os lanços de filantropia e solidariedade que nos regem.
Intensificaremos o uso de tecnologias que agreguem informações e tornem a Grande Loja Maçônica do Estado do Espírito Santo ainda mais interconectada às suas Lojas.
A Grande Loja experimentou crescimento expressivo nos últimos anos, consolidando-se como uma Potência reconhecida no Brasil e internacionalmente. São 206 reconhecimentos com Grandes Lojas de todos os continentes.
Diante de tantos avanços, é preciso trilhar um caminho sólido e seguro para que não ocorram retrocessos. Superar limites será nosso desafio e missão. Dentro desse contexto, realizaremos uma gestão participativa, na qual o espírito de cooperação e o diálogo continuarão a nortear as nossas relações.
Vamos compartilhar nossas decisões, pois a possibilidade de acertar é maior. Compartilhando nossos medos, nos tornaremos mais valentes;  compartilhando nossas perdas, nos enriqueceremos;  compartilhando nossos conhecimentos, cresceremos;  compartilhando nossas dores, nos tornaremos irmãos de fato.  (Divino). FATOR CHAVE é o PROPÓSITO TRANSCEDENTAL. Compartilhar para TRANSFORMAR.
 Ver o mundo “nós para nós”  e não  “nós contra eles”.
Unidos pelos laços de fraternidade, iremos continuar buscando sempre ser uma pessoa melhor, esse é nosso desafio. Maçom não é ser melhor do que alguém, é SER ALGUÉM MELHOR.
E SER ALGUÉM MELHOR para fazer um mundo melhor, pois para fazermos o bem, precisamos estar bem. Trago sempre o exemplo de quando embarcamos em uma aeronave, a comissária diz: “em caso de despressurização da aeronave, coloque a  máscara primeiro em você, para depois colocar em quem precisa de ajuda”. Esse é o maior exemplo. Pode parecer egoísmo, mas não é isso. PRIMEIRO preciso cuidar de mim, para depois cuidar dos outros.
Precisamos ter dentro de cada um de nós que, MATERIALMENTE, devemos ser ÚTEIS, ajudar efetivamente na construção do edifício social, trabalhar para uma humanidade mais justa, mais feliz. MORALMENTE devemos ser EXEMPLO e ESPIRITUALMENTE ser LUZ.
Quero agradecer a todos os Grão-Mestres e aos Irmãos, que ao longo desses 50 anos contribuíram com a trajetória de nossa Grande Loja, que se dedicaram e trabalharam para a consolidação e crescimento na nossa Instituição.
Para finalizar, quero deixar uma mensagem a todos, uma reflexão sobre nossos dias:
UMA NOVA POSTURA,  escritor Claudemir Lima
Todo dia é um novo desafio a vencer. Desafios que aos olhos de muitos podem parecer tão simples, e para outros, tão complexos e insuperáveis. Inerentes à condição física, idade ou sexo.
Na verdade são fases na vida de cada ser humano, que jamais devemos esquecer.
Isso nos servirá para não sermos insensíveis, frios e desinteressados. Isso nos servirá para valorizar a raça e a nossa condição de humanos.
Aceitar que temos direito a errar, aprender e superarmos.
A não deixar que a luta diária se torne a nossa cadeia perpétua.
Dinheiro não é tudo na vida, e nem tudo tem preço, não podemos deixar os valores fundamentais morrerem, é preciso resgatar a família, e de verdade, dedicar o tempo de que precisam nossos filhos, irmãos, esposas, maridos, mães, pais e avós.
Resgatar a verdadeira amizade, essa que não morre nunca, porque não tem compromisso nem laços sanguíneos, e surge livre e expontânea, sem pedir e exigir nada.
Resgatar a confiança nas pessoas, acreditar na palavra empenhada, e cultivar, praticar e propagar a honestidade.
Exigir o que é justo. Fazer valer os seus direitos, e respeitar os direitos dos outros.
Nunca foi tão necessário voltar a acreditar.
Nos tornarmos homens e mulheres de fé, que acreditem num tempo melhor para as novas gerações.
Mas não é só falar.
É preciso assumir o compromisso pessoal, nos transformarmos em agente de mudanças.
Nos espalharmos na sociedade, como um vírus da Internet, e ver se de uma vez por toda, conseguimos uma mudança real para nossa sociedade, e deixarmos um Brasil melhor para os filhos de nossos netos.
Você e eu sabemos que o tempo é curto. Então é tempo de começar.”
Quero neste momento render graças ao G.’. A.’. D.’. U.’. por estarmos aqui reunidos. Nós lhe pedimos nosso Deus de Amor e Bondade,  que nossos corações e inteligências sejam sempre iluminados pela luz que vem do alto, a Luz do Espírito Santo, para que em nossas decisões tenhamos amor e sabedoria a bem da Ordem e da humanidade.
Obrigado a todos mais uma vez pela Força e Apoio e pela presença neste dia memorável!!!
Aproveito e convoco a todos Irmãos a caminharmos ombreados, lado a lado, UNIDOS, com só um objetivo. Nos tornamos alguém melhor a cada dia!!!
Obrigado!!! Obrigado!!! Obrigado!!!

Valdir Massucatti

Grão-Mestre da Grande Loja Maçônica

do Estado do Espírito Santo